sexta-feira, 21 de março de 2014

Grandes tragedias do automobilismo - Gordon Smiley

 Hoje volto com mais um post da serie de tragédias do Automobilismo  deste que foi um dos acidentes mais feio da historia da formula indy , o acidente fatal de Gordon Smiley , confiram :



Gordon Smiley, de Nebraska, foi um piloto competente, que venceu em carros esportivos e monopostos. Em uma temporada, ele bateu 25 recordes de melhores voltas em corridas da SCCA e em 1979 ele venceu uma corrida no Campeonato Aurora de Formula 1 em Silverstone. Ele se classificou em duas Indy 500, 1980 e 1981, mas morreu na classificação de uma terceira tentativa, em 1982.








Smiley tinha se esforçado para se classificar com sua March. Ele estava disposto a superar a marca de 200 milhas de média por volta, mas só conseguiu chegar a 196 milhas. Quando, na segunda volta de warm-up, o carro saiu de traseira na curva 3, Smiley corrigiu demais e bateu de frente contra o muro. Em um dos mais violentos acidentes de corrida jamais visto, o capacete de Smiley foi arrancado e o cockpit se desintegrou no impacto. O motor e a asa traseira foram arrnacados quando o carro se estraçalhava na cerca de proteção. O March estava totalmente destruído, Smiley morreu instantaneamente.






Nasce: 20 de Abril de 1946 em Omaha, EUA;
Morre: 15 de Maio de 1982 em Indianapolis, EUA, aos 36 anos de idade.




A seguir, uma palavra do médico da categoria, Steve Olsey:( porem a controversias se esse depoimento é real)

“Durante uma tentativa de qualificação para a Indy 500 de 1982, Gordon Smiley, um jovem e arrogante piloto do Texas, estava determinado a quebrar a barreira das 200 milhas de média, ou morria tentando. Diversos pilotos veteranos o advertiam sobre o seu estilo de condução, em que costumava corrigir as suas trajetórias em contra-balanço, algo que era errado para um Speedway. Quando perdeu a tração, Smiley reagiu como se estivesse numa pista normal, corrigindo o seu carro saindo de traseira. O impacto foi violento.
Enquanto eu dirigia para o que restava do seu carro, imediatamente após o impacto, observei umas pequenas manchas de uma substância cinzenta que formava uma trilha até o piloto. Fiquei chocado ao ver que o capacete de Smiley tinha voado, junto com a parte superior do seu crânio, cortado pela cerca de segurança. Espalhado pela pista tinha mais pedaços do seu cérebro. O seu capacete, devido a enorme força centrífuga, foi literalmente sugado pelo impacto na cabeça do piloto…"
Quando voltavamos para o Centro Médico com o corpo, fiz uma análise rápida e percebi de imediato que praticamente todos os ossos do seu corpo tinham sido estilhaçados. Ele tinha uma ferida tão grande do lado do impacto que parecia que tinha sido atacado por um grande tubarão. Eu nunca tinha visto tal trauma”.















Um comentário:

  1. Nas fotos e vídeo se vê o crânio dele completo, francamente esse relato não me parece verdadeiro.

    ResponderExcluir