sábado, 17 de janeiro de 2015

Triste fim de uma vitima do Ebola



Maria Phinda Kamon, de 33 anos, contraiu Ebola cidade natal Gekedu na Guiné. Os sintomas típicos - fadiga, náuseas, vômitos, diarréia: o mesmos estavam nos cinco membros de sua família que morreram antes dela . Aqui estão os três últimos dias de sua vida.


Maria, na companhia de parentes à espera de médicos para que eles pudessem examiná-la.




 Marie  sofrendo com dor abdominal. Sua irmã chamos a equipe medica que esta a caminho


 Um médico da organização "Médicos sem Fronteiras" mede a temperatura 


Indo para a ambulancia que esta a cerca de 30 metros ela precisa fazer 3 paradas 


E chega suada e ofegante , sentindo muitas dores 


Transporte bem precário  


Ao chegar no centro medico ,ja estão prontos para desinfectar a caminhonete 






Medicos com roupas especiais a examinam . E no outro dia sai o resultado : Ebola  







Confirmado o Ebola , uma equipe de desinfecção vai até a casa de Maria 




Desinfectam a casa e queimam os pertenses pessoais dela  




Porem , dois dias apos a confirmação do Ebola , Maria morre durante a noite , longe de seus familiares  



Ela então é sepultada em um saco lacrado proximo de sua casa  



Sua mãe ao centro acompanha seu funeral amparada por pessoas da comunidade 


Sua irmã ao lado do tumulo . Ela foi culpada por pessoas da comunidade e familiares por chamar a ambulancia , por que senão Maria estaria ali com eles os 3 ultimos dias de vida ...


Nenhum comentário:

Postar um comentário